domingo, 1 de junho de 2008

TODOS OS CAMINHOS VÃO DAR A NADA...*

Para alguns curiosos que indagaram, estes foram os poemas que li - ou declamei, se quiserem ser mais teatrais - aqui:

É Permitido Fumar Neste Poema!

No Tempo do Colégio (dedicado ao Marco José Lobão Paula - Lido pelo director do Teatro Municipal da Guarda, Américo Rodrigues)

O Beijo (dedicado ao Miguel José Ramos Mendo) 

  Não Poderei Nunca Dizer o Teu Nome... (dedicado a todos os amigos e familiares presentes)

*E, SE TIVERMOS SORTE, ENCONTRAMOS ALGUMA COISA NO PERCURSO...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe o seu comentário. Tentarei responder a todos. Obrigado