domingo, 24 de fevereiro de 2008

rascunho encontrado num caderno abandonado #63

Porque é que são sempre aqueles que nos bateram que perguntam porque é que estamos magoados?! Porque é que são sempre aqueles que nos abandonaram que se admiram que estejamos sós?! Porque é que são sempre aqueles que nos tramaram que se questionam como é que é possível que estejamos lixados?! Porque é que são sempre aqueles que nos mataram que ficam estupefactos por já não sermos quem éramos?! E quando não são, são sempre os mesmos desgraçados que nos aturam...
rascunhos encontrados num caderno abandonado anteriores: #1, #2, #3, #4, #5, #6, #7, #8, #9, #10, #11, #12, #13, #14, #15, #16, #17, #18, #19, #20, #21, #22, #23, #24, #25, #26, #27, #28, #29, #30, #31, #32, #33, #34, #35, #36, #37, #38, #39, #40, #41, #42, #43, #44, #45, #46, #47, #48, #49, #50, #51, #52, #53, #54, #55, #56, #57, #58, #59, #60, #61, #62,

4 comentários:

  1. Hi Andre Benjamin! I stopped by to say hello and catch up on your exquisite posts! I am still enthralled as ever by your writings and all you find to share with your Readers!

    ResponderEliminar
  2. Muito bom!! De facto não deixa de ser irónico. Estive aqui alguns minutos a sorrir ao ler-te porque, de facto, parece que o "non-sense" faz sentido quando relemos essas perguntas várias vezes!

    Aquele abraço!

    ResponderEliminar
  3. hi jeane michelle, thanks for your visit. I hope that you could understand my post with the translator, that I know, it's not very good (not good at all ;-))

    Kiss.

    ResponderEliminar
  4. olá kokas,

    realmente faz muito sentido, julgo. da minha experiência, e do que observo, é assim quase sempre... o que tem o seu quê de irritante...

    c'est la vie, mon ami.

    grande abraço, André.

    ResponderEliminar

Deixe o seu comentário. Tentarei responder a todos. Obrigado